ARBORIZAÇÃO

  As árvores são vegetais lenhosos, de caule ou tronco elevado, ramificado na parte superior.

  A arborização desempenha diversas funções importantes, relacionadas a aspectos ecológicos, estéticos, sociais e culturais. As árvores proporcionam sombra, amenizam a temperatura e aumentam a umidade relativa do ar, melhoram a qualidade do ar e amenizam a poluição sonora.

  As árvores são o mais perfeito tipo de cobertura vegetal para proteção do solo contra os efeitos danosos provocados pela erosão hídrica, uma vez que suas frondes anulam o impacto das gotas d`água contra o solo. Isto porque a água da chuva flui gradual e lentamente pela ramagem até o solo, neste se infiltrando e se depositando, contribuindo para o aumento das reservas hídricas subterrâneas.

  As árvores, em muitos casos, por serem redutos de espécies da fauna e da flora, inclusive daquelas ameaçadas de extinção, desempenham papel de suma relevância para a preservação destas espécies, ampliando sua importância ecológica.

 Os vegetais são responsáveis por fixar carbono e produzir, a partir da fotossíntese, compostos orgânicos como a glicose e o amido, essenciais para alimentação dos animais e do ser humano. Os vegetais, as algas, as cianobactérias e o fitoplâncton, são os únicos seres vivos que conseguem obter energia apenas através da conversão da energia luminosa em energia química.

   No processo de fotossíntese a planta retira água do solo e gás carbônico da atmosfera e sob a ação da luz, produz glicose e oxigênio.

Reação da Fotossíntese

 

     6 CO2 + 6 H2O  LUZ  C6H12O6 + 6 O2

                                FOTOSSÍNTESE

 

    No processo de respiração, a árvore gasta energia para quebrar a molécula de glicose sob ação do oxigênio obtido pelos estômatos, produzindo energia em forma de ATP, água e gás carbônico.

 

Reação da Respiração

C6H12O6 + 6 O2  6 CO2 + 6 H2O + ATP

                          Respiração Plantas

  Desta forma as árvores além de outras funções têm como função primordial regular a temperatura, pois colocam vapor de água na atmosfera e retiram parte do gás carbônico do ar, lembrando que o gás carbônico é um dos gases de efeito estufa.

  Segundo o Engenheiro Agrônomo e ambientalista José A. Lutzenberger:

  Predomina ainda entre a maioria das pessoas e mesmo nas ciências naturais uma visão simplista do mundo. Quando falamos em ambiente natural, o vemos como algo externo a nós. Não nos damos conta que somos parte integrante de algo maior, onde tudo está ligado com tudo. Basta dizer que, se desaparecessem o ar e a água, desapareceríamos nós. Porque são fundamentais as plantas? As plantas dominam uma técnica que os animais não dominam – a fotossíntese, o que quer dizer síntese com ajuda da luz.

  • LEGISLAÇÃO MUNICIPAL

   Palmeira das Missões tem desde 2015, norma própria para manejo da arborização urbana. Através da Lei Ordinária Municipal Nº 4.789 de 28 de Abril de 2015, o município sancionou normas para podas e cortes de árvores na área urbana.

   A norma tem como diretriz básica o uso de espécies nativas para a arborização, em detrimento das espécies exóticas. A legislação protege espécies dos passeios públicos, canteiros centrais e áreas verdes, sendo necessária, tanto no caso de corte como de poda, a licença ambiental. Para o corte de espécies do passeio público, independente de espécie, é necessária a reposição de mudas 15/1. Para terrenos particulares a reposição de 15/1 somente é cobrada e exigida licença ambiental, no caso de espécies nativas. Os cortes ou podas só serão autorizados após vistoria e constatação de necessidade de acordo com critérios técnicos.

  Uma árvore deve ter seu plantio planejado de acordo com o seu tamanho quando adulta e enraizamento. Por isso, é importante conhecer a espécie antes de plantar.

  Abaixo temos algumas espécies adequadas para o plantio em área urbana:

-Cobrina, Araçá, Camélia, Quaresmeira, Chal-chal, Cambuim, Caliandra, Hibisco, Primavera, Pata-de-vaca, Jabuticaba, Cerejeira, Guabijú, Uvaia, Guavirova, Canafístula, Timbaúva, Ingá, Extremosa, Pitangueira, Ipê-amarelo, Ipê-roxo, Guajuvira, Louro, Cedro, Manacá-da-serra, Caroba, Sete-capotes, Jacarandá, Goiaba-serrana, Manduirana, Aroeira e Magnólia.

   Espécies Proibidas o Plantio em área urbana:

- Jaqueira, Jambolão, Pinus app. Eucalipto spp. Grevilha, Abacateiro, Uva-do-Japão, Ligustro, Manga, Plátano, Paineira, Tulipa Africana, Flamboyant, Figueira Chilena e Fícus benjamina.

  Para corte ou poda de árvores nos passeios públicos ou nos terrenos particulares, consultar sempre o Departamento de Meio Ambiente da prefeitura municipal de Palmeira das Missões, fone 3742-3364 ou 3742-7319.

  Tanto a poda quanto o corte sem licença ambiental, é considerada infração ambiental sujeita a multa e projeto de recuperação ambiental. A poda drástica que é a retirada de mais de 50% da copa da árvore é considerada, por seu dano ao espécime que pode levar este a morte, semelhante a supressão não autorizada. O recomendado é que nunca se retire mais de 25% da copa de acordo com a NBR 16246/2013 para não desvitalizar o espécime.

 

Texto: Marisa Franciele Maturana, Bióloga CRBio 63937D- Licenciadora Florestal. Departamento de Meio Ambiente Palmeira das Missões.

Notícias

  • GESTORES, DEPUTADOS, PREFEITOS E SECRETÁRIOS DEBATEM FUNDEB 22-10-2019

    Nesta segunda-feira, 21 de outubro, centenas de secretários municipais de educação e prefeitos acompanharam o evento “Fundeb em debate”, realizado em Porto Alegre através de uma parceria entre a Famurs e a Undime RS, com a participação da Assembleia Legislativa do Estado e da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia. O prefeito de Palmeira das Missões e presidente da Famurs, Eduardo Russomano Freire, e a secretária municipal de Educação e vice-presidente estadual da Undime RS,...

    Leia mais: GESTORES, DEPUTADOS, PREFEITOS E SECRETÁRIOS DEBATEM FUNDEB

  • Grupos terapêuticos infantis são disponibilizados no Município 21-10-2019

    Na última quinta feira, 17, iniciou-se na sede do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (NASF/AB), os primeiros grupos terapêuticos infantis,disponibilizados pelo SUS no Município.

    Leia mais: Grupos terapêuticos infantis são disponibilizados no Município

  • Comissão lança CD e DVD do 34° Carijo e 17° Carijinho 21-10-2019

    Na noite da última sexta-feira (18), a Comissão Organizadora do 34° Carijo da Canção Gaúcha realizou o tradicional jantar de lançamento do CD e DVD do festival, no Clube Centenário, reunindo cerca de 400 pessoas entre autoridades, patrocinadores, apoiadores, músicos e compositores, além de apreciadores da música gaúcha.

    Leia mais: Comissão lança CD e DVD do 34° Carijo e 17° Carijinho

  • Dia D de vacinação deu início à campanha contra o sarampo no Município 21-10-2019

    Aconteceu neste sábado (19) o Dia D de campanha de vacinação contra o sarampo, para todas as crianças de seis meses e menores de cinco anos. Foram aplicadas em torno de 350 vacinas, na Unidade de Saúde do Centro de Saúde (Postão), nas Estratégias de Saúde da Família (EFS) da Vista Alegre, da Lutz, do Centro Social Urbano, do Mutirão e da Westphalen, que disponibilizaram atendimento das 8h às 12h e das 13h30min às 17h.

    Leia mais: Dia D de vacinação deu início à campanha contra o sarampo no Município

  • Rua do Lazer é realizada em alusão às ações do Dia D de Vacinação 21-10-2019

    Seguindo as ações do Dia D de vacinação e abertura oficial do Outubro Rosa no Município, a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer realizou na tarde do último sábado, 18, mais uma edição da Rua do Lazer. O evento aconteceu na Unidade de Saúde do Centro Social Urbano.

    Leia mais: Rua do Lazer é realizada em alusão às ações do Dia D de Vacinação

Busca Rápida

Galeria de FOTOS

Carijo da Canção Gaúcha

Patrimônio Cultural do Rio Grande do Sul, o 33° Carijo da Canção Gaúcha acontece de 31 de maio a 3 de junho de 2018 no Parque de Exposições.

Universidade Federal

Brasão UFSM

A Universidade Federal está no Município desde 2006, oferece oito cursos de graduação, contando ainda com dois cursos de Pós-Graduação.

Hospital Público Regional

O Projeto HPR pretende ser referência em média e alta complexidade, com atendimentos 100% SUS em diversas especialidades.

Portal Município de Palmeira das Missões - Desenvolvido por Departamento de Informática Municipal